Home

26 de agosto, quinta-feira

Pegamos o trem das 07h07 para Liverpool – cedo, não? Mas a viagem dura umas 2 horas e dá pra tirar um pouco do atraso do sono. A visita foi ótima, e um dia é realmente suficiente para conhecer a cidade natal dos Beatles. Fizemos a saga completa – casa do John, do Paul, do Ringo, a igreja onde John e Paul se conheceram, PennyLane, Strawberry Fields, etc.

Revisando a listinha básica de atrações

Pra fechar o dia totalmente no clima, passamos a noite no Cavern Club, onde o grupo se apresentou centenas de vezes e onde acontecia essa semana o Beetle Week. Várias bandas cover brasileiras se apresentaram, mas uma argentina que fechou a noite foi a melhor de todas. =]

Vitrines especializadas é o que não falta na cidade. Mas os liverpoolenses procuram deixar claro que não vivem só disso.

27 de agosto, sexta-feira

Voltamos de Liverpool a Londres logo cedo, e fomos encontrar o Renato, amigo do Gustavo, perto do Mercado de Camden. Já aproveitamos pra começar umas comprinhas de bugigangas e até coisas mais úteis como ímãs de geladeira. rs. Gente, esse mercado é gigantesco, fiquei impressionada! (ainda quero voltar lá antes de partir)

No Camden Mkt: massagem para ativar a circulação (dos peixes?)

Em seguida, fizemos um adorável passeio pelo canal, passando pelo parque Regent, pela Baker Street (museu do Sherlock Holmes), em frente ao Madame Tusseaud (foi mal, mas não pago 90 reais pra entrar lá, não!) e finalizando na Praça Russel. À noite saímos com Inês e Afonso (nossos anfitriões aqui) num pub belga e depois numa baladinha onde um amigo deles estava tocando. Na volta, passamos por um mercadinho de produtos portugueses e brasileiros…

Baker Street 221b

Gracinha a estação de metrô

Nossos anfitriões

28 de agosto, sábado

Ahhh! Finalmente! Chegou o grande dia! Gustavo anseiou intensamente por isso, e eu também, é claro. Arcade Fire, Modest Mouse, The Libertines e mais um monte de bandas reunidas num terreno gigantesco onde acontece o famoso READING FESTIVAL.

Reading Festival

A situação era preta, meus amigos!

Passamos o dia pulando de palco em palco, o que exigia uma longa caminhada. No final, perdemos o último trem para Londres (0h10) e voltamos de táxi, com uma amiga brasileira que conhecemos neste momento de frustração na estação de trem. Mas valeu a pena, o Gustavo já está dormindo profundamente enquanto eu termino de escrever aqui…

Só pra não esquecer: todas as fotos atualizadas em http://www.flickr.com/photos/cris_gal.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s