Home

Já se passaram quatro dias desde que cheguei em Chennai, no estado de Tamil Nadu, Índia! A adaptação tem sido muito fácil e divertida porque logo fui acolhida pela comunidade de brasileiros da Aiesec, que já me passaram vários macetes…

Primeiras impressões:

VIAGEM

– A opção mais em conta que consegui foi pela South African Airways, por 1.380 dólares (ida-e-volta). A companhia é boa, mas a estrutura do avião e os serviços não são tão bons como Qatar, KLM ou Air France, para comparar com algumas outras companhias que já voei… Para mim, pareceu mais com Iberian.

– Demorei 9h de São Paulo a Joanesburgo, esperei por 4 horas e depois tomei mais 10h de Joanesburgo até Mumbai. Como cheguei meia-noite em Mumbai, esperei por 7 horas no aeroporto até tomar o vôo para Chennai, que durou 2 horas. Cheguei esgotada em Chennai, já que mal dormi durante a viagem. Em compensação, já aproveitei para me atualizar com o cinema indiano: assisti Don 2 e Housefull 2.

– Chegando ao aeroporto de Mumbai, todos os policiais com metralhadoras na mão e todas as bagagens foram revistadas várias vezes.

IDIOMA

– Quase tudo se fala na proparoxítona (estado de KErala, bairro de PeRUNgundi) e no final das palavras sempre tem um “aaa” cantadinho.

– Quando falam inglês, a construção das frases é diferente, a ordem das palavras, a escolha dos vocábulos… Acho que vou demorar um pouco para entender melhor o que dizem. Bom, quando falam em tamil, nem pensar em entender. Mas quero aprender com o tempo!

COMIDA

– Realmente quase toda comida é apimentada, mas para mim, que gosto mas não sou tão habituada, está ótimo!

– Eu tenho vontade de experimentar e cheirar tudo, antes de vir pra Índia eu ficava assistindo programas de comida indiana e vendo as pessoas comerem com a mão… Tudo parecia gostoso… Quando comi pela primeira vez com a mão (somente a direita, é claro), fiquei até emocionada! Hehe. Eu estou achando tudo uma delícia até agora.

3/9/2012 - Skywalk Mall (Chennai/India)

– Os alimentos no supermercado são obrigados a vir com uma identificação padrão para mostrar se são veggies ou não – uma bolinha verde identifica os vegetarianos. No menu dos restaurantes também existe isso. No geral, tem bastante comida veggie (sem carne ou ovos), mas também existem opções com ovo ou frango.

4/9/2012 - Sinalização veggie (Chennai/Índia)

– Existem vários supermercados grandes e com bastante variedade de coisas!

SAÚDE

– Ainda não tive dor de barriga e vou ao banheiro todos os dias!

– A água não é tão terrível assim, eu escovo os dentes normalmente e nunca deu nada. Tem um pouco de cheiro do ferro do encanamento, só. É claro que para tomar, compramos água mineral, o que me parece algo em comum entre os moradores de Chennai. Na rua, bebidas sempre sem cubos de gelo.

– Entre os brasileiros que conheci até agora, todos eles emagreceram, e além disso ficam doentes com muito menos frequência do que no Brasil. Disseram que o intestino deles funciona perfeitamente aqui, e que na volta vão tentar manter o padrão de alimentação daqui. =)

CIDADE

– A hora do rush é muito tranquila – quero dizer, nenhum carro sai do lugar. Rs.

3/9/2012 - Chennai

O trânsito fica realmente parado. As ruas são compostas, em ordem de maior quantidade, por: pessoas, motos, auto-rickshaws, shareautos (autorickshaws para cerca de 11 pessoas, a não ser quando eles começam a sentar um no colo do outro – somente os homens, é claro), carros, bicicletas, caminhonetes, ônibus e caminhões. As pessoas andam no meio das ruas porque calçadas são raras, e mesmo quando elas existem estão cheias de lixo e as pessoas continuam andando nas ruas, por hábito.

1/9/2012 - Chennai

– A mão das ruas é inglesa e nenhum veículo anda em linha reta – o trânsito é sempre costurado, e há poucos semáforos, o que obriga os veículos a entrarem na frente uns dos outros nos cruzamentos. Atrás dos auto-rickshaws, shareautos e caminhonetes, muitas vezes está escrito “sound horn”. Os carros são na maioria novos, sempre japoneses, coreanos ou indianos. Acho que a marca mais comum é Suzuki.

4/9/2012 - Chennai

– Dentro dos ônibus e shareautos, a organização é espontânea – mulheres de um lado e homens de outro. Em muitos casos, isto está por escrito.

2/9/2012 - Chennai

– Tudo é colorido – roupas, comidas, temperos, poeiras.

4/9/2012 - Chennai

PREÇOS

– aproximadamente, 100 rúpias equivalem a 2 dólares, que equivalem a 4 reais. Abaixo seguem os preços médios de algumas coisas que eu vi até agora:

a) ônibus: 5 a 15 rúpias (R$ 0,20 a 0,60)

b) kurta (bata longa) de boa qualidade no shopping: 600 a 900 rúpias (24 a 36 reais); em promoção no Spencer Plaza: 150 rúpias (6 reais).

c) água (1L): 15 rúpias (R$ 0,60)

d) musli ou sucrilhos: 200 rúpias (8 reais)

e) cacho de bananas: 50 rúpias (2 reais)

f) almoço em restaurante do shopping: 60 a 150 rúpias (R$ 2,40 a 6,00)

g) cerveja 600ml: 75 a 150 rúpias (3 a 6 reais) no boteco ou 300 na balada (12 reais)

h) netbook Lenovo: 19.000 rúpias (R$ 760)

CLIMA

– acho que dei sorte de chegar em uma época que está refrescando um pouco, na média peguei 29 a 31 graus estes dias. Ventilador tem sido suficiente, mas muitos mosquitos atacam no final da tarde. Todo lugar fechado tem ar condicionado, então este entra-e-sai deixa todo mundo desavisado doente.

– cabelo após o banho e roupas no varal secam em poucas horas, uma maravilha!

4/9/2012 - Roupas que secam em poucas horas (Chennai/Índia)

POVO

– os indianos nos olham bastante, com curiosidade, mesmo havendo vários estrangeiros na cidade. E quando dançamos no meio do restaurante ou entramos no meio de suas fotos, então? Rs. De fato, tudo o que fazemos que lhes parece diferente eles respondem com risadinhas e comentários em tâmil, e ficamos achando que eles se divertiram. Será?

4/9/2012 - Chennai

– de fato, quase todas as mulheres andam de saree ou kurta, e os homens com aquela camisa curta e calças boca-de-sino, andando de mãos ou dedinhos dados. Fora esta demonstração de afeto entre os homens, casais não andam abraçados e muito menos se beijam em público.

2/9/2012 - Chennai

– as pessoas se tratam com muito respeito, utilizando infinitos pronomes de tratamento, como sir e m’am, tio e tia, e assim por diante.

Até o momento estou me divertindo e achando tudo demais! A comida é boa, as pessoas são gentis, as roupas são lindas… Quando entrei num provador, quase chorei de tanta kurta bonita e barata! Hahaha! E ainda assim só comprei uma, afinal, meu salário também será em rúpias…

Começo a trabalhar na próxima quinta-feira (depois de amanhã), quando começarei a entrar no mundo real… Não vejo a hora!

Até mais!

Anúncios

14 pensamentos em “Primeiras impressões da Índia

  1. Crisssssss, D.E.M.A.I.S!!!!
    Vou te acompanhar por aqui. Amei sua descrição detalhada sobre essa experiência incrível e corajosa. Aproveite tuuuudo e seja feliz!
    Beijoca

    • Oi Bru!!! Que bom, amei que você tenha lido!! Eu fui selecionada para um programa de ‘fellowship’, e vou trabalhar numa incubadora de negócios sociais por um ano aqui em Chennai, sul da Índia! =)

    • Você está falando sério, Dani??? Que demais!!! Sim, eu estarei morando em Chennai por um ano, apesar de ter que viajar a trabalho com frequência… Quando tiver os planos da sua viagem, me conta! É de férias? Que demais, adorei saber!!! Beijão!!!

  2. Cris, demais as suas descrições. Você consegue nos levar junto contigo pelas ruas de Chennai e compartilhar tuas impressões. Muito sucesso no teu trabalho e que você curta muito essa experiência única de vida. beijos

  3. Cris, amei! Acabei de almoçar e sentei um pouco pra descansar, afinal rotina de dona-de-casa cansa também! Valeu a pena esses minutos, lendo suas impressões sobre a Índia! Com certeza foi uma viagem muito “maneira” – como meu filho fala! Bj! Patricia

  4. Cris, estou muito feliz por vc estar tão animada e adaptada na Índia. Estamos sempre lendo os seus comentários e damos muita risadas.Um beijão com muito amor !

  5. Olá, Cristina… espero que responda meu comentário,,,rsrsrs.
    Quero acompanhar meu marido, que esta indo para Chennai em junho de 2013, a trabalho e ficaremos ai uns 2 anos.
    Mas eu tenho uma filha pequena de quase 3 anos, voce sabe como é ai o ambiente para uma criança?
    Voce conheçe Sri City? Pareçe que a casa fica lá!
    Em relação a comida, tem carne? Agradeço por todas as informações que puder me passar, meu marido esta com medo, pois não sabemos como é ai….

    Um Grande Abraço!!!!!
    Patricia

  6. Ola, Cristina! Adorei seu blog. Vou morar em Chennai e gostaria de umas dicas suas, se possivel. Por favor, se puder me Mande um email para conversarmos melhor.
    Muito obrigada,

    Melissa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s